07
dez

Por
Sistema Maxi de Ensino

Escola

Como comemorar o Dia da Família na escola?

No dia 8 de dezembro, o Dia da Família é comemorado em todo território brasileiro. Por ser uma data que envolve pessoas essenciais para as instituições de ensino, é muito importante que as escolas não deixem o dia passar em branco. 

Neste artigo, confira, além de dicas para a celebração do Dia da Família, a origem da data e a importância da participação das famílias no cotidiano escolar. 


 

Quais homenagens posso realizar no Dia da Família? 

A homenagem às famílias pode se dar a partir de pequenas, mas significativas ações. Apesar de serem muito bem recebidas em qualquer dia do ano, as datas comemorativas representam excelentes momentos para a realização de homenagens. No Dia da Família, há um universo de possibilidades para que a escola aproxime pais e responsáveis por meio de celebrações e lembrancinhas. 

Eventos escolares: festa para as famílias 

A organização de um evento pode ser uma ótima forma de celebrar o Dia da Família. Como a data é comemorada no final do ano, a festa pode ser associada a um evento de encerramento do período letivo.

Mesmo com a pandemia impossibilitando receber fisicamente as famílias dos alunos no ambiente escolar, nada impede que a celebração aconteça de maneira virtual. O importante é que as famílias sintam sua importância reconhecida, bem como desenvolver uma cultura de aproximação e participação por parte dos pais e responsáveis junto à escola.  

Uma boa forma de organizar uma celebração online do Dia da Família é envolver os alunosCombine com eles a escolha de uma fotoou, quem sabe, uma ilustração carinhosamente personalizada para suas famíliasVale ainda pedir aos alunos para que gravem um vídeo homenageando sua família. Esses registros podem ser apresentados em um encontro virtual, em um momento de integração entre todos os envolvidos no contexto escolar. 

É importante que, nesses eventos, a escola deixe bem claro que todo membro da família é bem-vindo na instituição. Um problema muito comum nas comemorações dessa data envolve a exclusão de famílias que se diferem das mais representadas em meios comunicativos. Por isso, recomenda-se que a escola seja suficientemente ampla na divulgação e convite para o evento, garantindo, assim, uma genuína festa da família: diversa e marcada por ações afáveis.  

Presentes para o Dia da Família 

Presentear os pais e responsáveis no Dia da Família também é uma opção para a data. Essa ação, apesar de muito válida, pode ser vista como uma atividade menos complexa e melhor para um planejamento mais prático. A entrega de lembrancinhas representa uma forma muito agradável de marcar a importância da família para o trabalho escolar. 

Uma forma fácil de presentear envolve confeccionar cartões com mensagens para a família e solicitar que os alunos entregue para seus responsáveis junto a uma lembrancinha — que pode ser uma caneta, uma caneca ou até mesmo uma agenda, um porta-retrato ou um bombom. 

Novamente, é fundamental que a escola tenha uma noção ampla e aberta de família. Dessa forma, o presente não deve ser destinado apenas aos pais, mas a toda família do aluno: irmãos e irmãs, tios e tias, avós e avôs etc. 

Veja a origem do Dia da Família 

O Dia Nacional da Família, comemorado no oitavo dia do mês de dezembro, foi marcado pela promulgação da Lei nº 52.748, que concilia a data com o Dia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição. Trata-se de um feriado facultativo, que surgiu com o intuito de simbolizar a importância da família para o desenvolvimento dos seres e construção de sociedade. 

Apesar de ser uma data muito atribuída à escola, existe uma outra data para marcar a presença da família nas instituições educativas. O Ministérios da Educação (MEC) instituiu a data comemorativa intitulada Dia da Família na Escola, celebrada no dia 24 de abril. Há ainda uma outra data para o Dia da Família: comemorada internacionalmente no dia 15 de maio. 

Qual a importância da família na escola? 

A importância da família não é um assunto que se originou recentemente. Jean Piaget, importante nome da Educação, já dissertava sobre o papel dos pais e responsáveis na formação escolar dos alunos: 

Uma ligação estreita e continuada entre os professores e os pais leva, pois a muita coisa que a uma informação mútua: este intercâmbio acaba resultando em ajuda recíproca e, frequentemente, em aperfeiçoamento real dos métodos. Ao aproximar a escola da vida ou das preocupações profissionais dos pais, e ao proporcionar, reciprocamente, aos pais um interesse pelas coisas da escola chega-se até mesmo a uma divisão de responsabilidades.

Com base nessa afirmação, nota-se como a escola, quando unida às famílias, potencializa sua força, desenvolvendo alunos mais aptos à vida em sociedade e estudiosos. Assim, ignorar o papel das famílias na escola é excluir a possibilidade de um ensino mais afetivo e eficaz. 

Ambas as instituições possuem como responsabilidade e objetivo a formação de crianças e jovens aptos ao convívio social e a transformação de suas próprias vidas. Com finalidades tão similares, é impossível propor uma separação entre escola e família. Indica-se, na verdade, o contrário disso: aproximar-se das famílias e estreitar as relações é muito benéfico para os alunos. 

Conclusão 

Diversas pesquisas mostram como os resultados dos alunos melhoram quando as famílias são participativas. O Dia da Família, comemorado no dia 8 de dezembro, representa uma data propícia para uma efetiva inclusão das famílias nas atividades da escola. Essa participação torna o aprendizado mais significativo para os alunos, além de fazer com que as famílias sejam um importante polo dentro dos muros da escola, não somente fora deles. 

Quer conferir outras formas de aproximar a família da escola em outras ocasiões? Baixe gratuitamente o e-book e veja ações simples para potencializar o papel das famílias na instituição de ensino. 

como trazer familia para escola

Compartilhe:

Leia Também:

Deixe seu comentário: